Polícia cumpre mandados de busca e apreensão a suspeitos da morte de Marielle Franco

Policiais da Divisão de Homicídios da Polícia Civil foram as ruas nesta quinta-feira (13) para cumprir mandados de busca e apreensão referentes às mortes da vereadora Marielle Franco e seu motorista, Anderson Gomes, assassinados em março desse ano. De acordo reportagem do G1, os agentes estão em 15 endereços no Rio e fora dele.

As equipes foram à Zona Oeste; Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense; Petrópolis, na Região Serrana; e Angra dos Reis, na Costa Verde do Estado. Fora do Rio de Janeiro, a polícia foi até Juiz de Fora, em Minas Gerais.  O delegado Giniton Lages, que está à frente do caso, informou que esses mandados de prisão não fazem parte do inquérito principal das investigações, e sim, um inquérito a parte. Ainda segundo o delegado, todos os nomes estão diretamente ligados a morte de Marielle e Anderson.  O principal suspeito de ser o mandante do crime é o vereador Marcelo Siciliano, o qual tinha desavenças antigas com Marielle. Ele, por sua vez, nega sua participação na morte da vereadora.

No dia 14 de março deste ano, a vereadora Marielle Franco voltava para sua casa de um evento na Casa das Pretas, na Lapa. Minutos depois de sair do local, foi surpreendida por um outro veículo e foi alvejada a tiros. O caso completa nove meses nesta sexta-feira.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by