Vasco vence o Bangu por 2 a 1 e volta a fazer uma final do Carioca com o Flamengo após cinco anos

O Vasco está na final do Campeonato Carioca após vencer o Bangu, neste domingo à tarde, por 2 a 1, no Maracanã, com gols de Bruno César, de pênalti, e Yan Sasse, que entrou muito contestado pela torcida ao substituir Rossi ainda no primeiro tempo e acabou dando a vitória ao Cruzmaltino. Yaya Banhoro descontou para o time de Moça Bonita. Vascaínos e rubro-negros decidirão o título estadual nos dois próximos domingos. 

Com a vantagem do empate para ir à final, o Vasco teve dias conturbados às vésperas do jogo decisivo contra o Bangu, com o elenco decidindo não concentrar para a semifinal por conta de salários atrasados. Mas, após uma conversa com o presidente Alexandre Campello, o grupo mudou de ideia. O time vascaíno entrou em campo com a frase ‘O Maraca é de todos’ estampada na manga, já que o clube não concorda com decisão do governo do estado em deixar a gestão do estádio com Flamengo e Fluminense.

Precisando da vitória para ir à decisão, o Bangu buscou o gol no primeiro tempo. Aos 14 minutos, Anderson Lessa chegou com perigo, mandando à direita de Fernando Miguel. A torcida vascaína começou a ficar impaciente com a postura do time e não escondeu a insatisfação quando o técnico Alberto Valentim colocou Yan Sasse no lugar de Rossi, machucado, aos 27 minutos.  

Logo na volta do intervalo, houve intervenção do VAR. Após cobrança de escanteio, os jogadores do Vasco pediram puxão em Lucas Mineiro dentro da área. Após consultar o VAR, o árbitro Rodrigo Carvalhaes de Miranda marcou pênalti. Bruno César cobrou e abriu o placar no Maracanã, aos sete minutos. O goleiro Jefferson Paulino chegou a pular no canto certo, mas não impediu o gol.  

O Bangu não demorou a empatar: num lance que começou com belo lançamento do goleiro Jefferson Paulinho, Yaya Banhoro deixou tudo igual no Maracanã, aos 10. O jogo seguiu movimentado e o Vasco voltou a ficar na frente, aos 14 minutos, justamente com Yan Sasse, que havia sido contestado, após receber passe de Bruno César. 

Aos 34, Yan Sasse ainda tentou ampliar de bicicleta, mandando à direita de Jefferson Paulino. No fim, a torcida do Vasco festejou a vitória e a vaga para a final do Carioca. 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by