Bombeiros vasculham área onde GPS indica que há táxi em que estariam avó e neta desaparecidas

Bombeiros e parentes procuram avó e neta que foram vistas pela última vez em um shopping da Zona Sul do Rio na noite desta segunda-feira (8). Na saída do shopping, elas teriam embarcado em um táxi, cujo sinal de GPS foi rastreado pela Polícia Civil, e que estaria na Ladeira do Leme. No local indicado, foi encontrado um táxi soterrado.

Ainda não há informação se é o mesmo carro e se elas estariam dentro. Um corpo foi encontrado, como informou o RJTV, mas também não há confirmação da identidade da vítima. Às 13h equipes de socorristas trabalhavam na Avenida Carlos Peixoto, com a ajuda de voluntários.”A gente chegou quase junto com os Bombeiros. Eles demoraram para chegar porque a ocorrência foi às 9h30. Eu não consegui avistá-la. A gente estava tentando escoar a água para que não entrasse no carro. Parece que tinha ar para elas respirarem, foi o que falaram, mas aí eu não sei por conta da chuva toda que rolou à noite se o carro afogou ou não”, diz ele.“É torcer para que elas tenham tido ar, não tenham ficado com nenhum trauma por conta das pedras e dos entulhos que rolaram”, concluiu.

Carros soterrados por lama e terra na Avenida Carlos Peixoto — Foto: Reprodução/TV GloboCarros soterrados por lama e terra na Avenida Carlos Peixoto — Foto: Reprodução/TV Globo

Carros soterrados por lama e terra na Avenida Carlos Peixoto — Foto: Reprodução/TV Globo

Temporal desde a noite de segunda

Um forte temporal atingiu a cidade desde a noite de segunda-feira (8) e deixou quatro mortos. A família publicou fotos de Lucia Xavier Sannento Neves, a avó, e da pequena Júlia Neves Aché nas redes sociais nesta terça (9).

As duas estavam em uma comemoração no Shopping Rio Sul, em Botafogo. O marido de Lucia, Carlos Alberto, disse que fez o último contato com a esposa por volta das 21h45, quando ela explicou que esperava a neta sair da festa para pegarem um táxi até Copacabana, onde moram.

Madrinha de Júlia, Priscila diz que a mãe da menina ainda teve um último contato. “A avó disse que estava presa no trânsito”.

Parentes registraram o desaparecimento na 12ª Delegacia (Copacabana) e já conseguiram a placa e o modelo do táxi.

De acordo com informações da 12ª DP (Copacabana), equipes conseguiram localizar onde o veículo desligou, através do serviço de localização do carro que as vítimas pegaram ao sair do shopping.

Os agentes realizam diligências e estão em contato com o Corpo de Bombeiros para ajudar na localização das vítimas.

Quem tiver informações pode entrar em contato com a Delegacia de Copacabana pelos telefones (21) 2332-7914, 2332-7907 ou 2332-7903.

Família perde o contato com avó e neta durante a chuva — Foto: Reprodução/Redes SociaisFamília perde o contato com avó e neta durante a chuva — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Família perde o contato com avó e neta durante a chuva — Foto: Reprodução/Redes Sociais

3º desaparecimento na Zona Sul

Uma terceira pessoa está desaparecida desde a noite de segunda. Um homem, ainda não identificado, sumiu no Morro da Babilônia, no Leme, após um deslizamento de terra. Por volta das 8h desta terça, bombeiros ainda faziam buscas no local.

No início da madrugada, o deslizamento de terra matou duas irmãs, que eram vizinhas. Além delas, outras duas pessoas ficaram feridas. Duas mulheres também foram retiradas do lamaçal.

Resumo do temporal

  • 1 morte na Gávea; 2 mortes no Morro da Babilônia, no Leme, e 1 morte em Santa Cruz
  • 1 desaparecido no Leme
  • 39 sirenes acionadas em 20 comunidades
  • Rio entrou em estágio de crise às 20h55
  • Barra/Barrinha foi onde mais choveu
  • Aulas suspensas na rede municipal nesta terça
  • Mais um trecho da Ciclovia Tim Maia desabou, e Av. Niemeyer foi interditada
  • Bombeiros usaram barcos para resgatar crianças no Jd. Botânico

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by