UNIFOA no combate contra o racismo e intolerância religiosa
Prof. Dr. Dario Aragão (UniFoa), Defensor Público José Roberto Tambasco, Ivanir dos Santos (Foto: Rozangela Silva)

Aconteceu na última semana, em Volta Redonda, sul do Estado do Rio de Janeiro, a reunião que selou a parceria entre a UNIFOA (Centro Universitário Fundação Oswaldo Aranha), CEAP e DPU (Defensoria Pública da União em Volta Redonda).

O principal tema abordado foi o combate ao racismo e a elaboração do I seminário sobre Estado Laico, que abordará temas como Liberdade Religiosa, Democracia e Direitos humanos.

Outro assunto importante foi o planejamento da campanha nacional de combate à intolerância religiosa, que será produzida pelo alunos da UNIFOA.

– Acredito que é um grande passo que estamos dando para a construção de uma pedagogia descolonizadora que possa evidenciar as perspectivas negras no Brasil. Afirmou Ivanir dos Santos, Dr. Prof. UERJ e líder do combate à Intolerância Religiosa.

O Bàbálawo finalizou dizendo que tudo será feito de acordo com a lei e que o ensino das histórias culturais africanas são obrigatórios.

– O interesse da UniFOA mostra não só um grande empenho da Instituição em fomentar ensinos voltados para a lei 10.639, que torna obrigatório o ensino das histórias e culturas africanas e afro-brasileiras, como também é em si um ato totalmente politico. Completou Ivanir.

O povo de matriz africana certamente agradeceu mais esse importante passo dado por uma de nossas lideranças e entendeu que, cada vez mais, as universidades públicas estão abertas ao diálogo do movimento negro no país.

Contato Bàbá Joaquim D’Ògún

(21) 96991-4004
instagram.com/mejiomiodara
facebook.com/mejiomiodara
[email protected]

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by