Estudante reconhece supostos autores de estupro através de fotos
A universitária de 21 anos vítima de um estupro coletivo praticado por quatro homens durante quatro horas na noite da última sexta-feira está reconhecendo dois dos possíveis autores dos crimes através de fotos. No sábado, duas pessoas foram mortas e um cartaz com os dizeres “Tha ai os 2 que estuprou a mulher (sic)” foi deixado junto de seus corpos. A vítima está tendo contato com fotos de arquivo da polícia.
“Esses corpos estão muito feridos. É uma imagem forte para quem não está acostumado a vê-las. Ela não quis passar por isso e a gente entende perfeitamente”, conta a delegada Juliana Rattes, titular da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Cabo Frio, que investiga o caso.
Como as fotos dos suspeitos no sistema da polícia são antigas a delegada e sua equipe garimpou imagens deles nas redes sociais para que facilite a identificação. 
“Ontem (segunda) refizemos o caminho que ela passou no momento do crime e conseguimos encontrar alguns locais com câmeras de segurança”, a delegada acrescenta, contando que vai pedir as imagens para ajudar na investigação.
Nesta terça, a vítima vai novamente à Deam, onde continuará o trabalho de reconhecimento das duas pessoas mortas. 
“A princípio, ela disse que eles parecem muito com os envolvidos, mas não queremos afirmar nada precipitado”, Rattes diz, avisando que até o fim do dia deverá ter uma confirmação.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by