Pais são suspeitos pela morte de filho

A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga se os pais de um menor de 1 ano e 11 meses são responsáveis pela morte do filho, que entrou sábado na Unidade Pré-Hospitalar (UPH) de Saracuruna, em Duque de Caxias, com sinais de maus-tratos, segundo a polícia. Ainda de acordo com policiais, o menino estava com hematomas e marcas de espancamento.

Após a confirmação da morte da criança, os pais prestaram depoimento na Delegacia de Homicídios, que aguarda o laudo do Instituto Médico Legal (IML).

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Duque de Caxias, os pais disseram, durante o atendimento na unidade hospitalar, que o menino teve uma reação alérgica ao ingerir um medicamento. No entanto, os médicos constataram que a criança apresentava hematomas e escoriações em várias partes do corpo, como queixo, região torácica e nos membros inferiores.

Por esse motivo, a direção da Unidade Pré-Hospitalar fez contato com o Conselho Tutelar e com policiais do 15º BPM (Duque de Caxias).

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by