Cheque de R$ 1 milhão é encontrado em operação contra envolvidos com milícia

Um cheque de R$ 1 milhão foi apreendido durante a Operação Muzema, que a Polícia Civil realizou nesta terça-feira, contra empresários ligados a construções irregulares em áreas de milícia na Zona Oeste do Rio.  O valor foi encontrado com Manuel Henrique da Silva Júnior, que também estava com R$ 50 mil em espécie uma espingarda de cano duplo, uma pistola, um revólver e várias munições.

Identificado nas investigações como Seu Silva, o homem é administrador da Manuel Containers Andaimes Rio Eirelli (Rio Containers). Ele é um dos 17 alvos da operação de hoje. 

No inquérito, a Justiça determinou a suspensão da empresa que Manuel gerencia. Segundo a polícia, ele é um dos investidores de negócios imobiliários ilegais da milícia que atua na Zona Oeste. 

De acordo com o Ministério Público estadual (MPRJ), Manuel é um dos “sócios empreendedores” da milícia.

A operação é contra empresários, investidores e corretores envolvidos em construções irregulares na Muzema, Gardênia Azul, Rio das Pedras e Anil. Batizada de Operação Muzema, a ação cumpre 17 mandados de prisão em diversos endereços da Zona Oeste do Rio, dentre eles contra o marido de Letícia, um dos principais alvos dos agentes.

De acordo com as investigações, a quadrilha alvo da operação investe na construção e venda de imóveis, shoppings, salas comerciais e até ruas inteiras em áreas dominadas por milicianos. Os investigados dão suporte financeiro, investindo milhões nos projetos para que os prédios sejam erguidos. Desde 2014, eles teriam construído uma área equivalente a 7 mil metros quadrados.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by