Trump diz que vai responder às tarifas da China na tarde desta sexta

 

Mais cedo, China anunciou que vai impor taxa extra sobre US$ 75 bilhões em produtos dos EUA.

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse que vai responder na tarde desta sexta-feira (23) às nova tarifas anunciadas mais cedo pela China, em mais uma etapa do acirramento da guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo.

  • Guerra comercial: entenda a piora das tensões entre China e EUA e as incertezas para a economia mundial

Em uma rede social, Trump disse que está ordenando que as empresas norte-americanas comecem a buscar uma alternativa à China, incluindo levar suas produções de volta aos Estados Unidos.

“Nossas grandes empresas norte-americanas estão ordenadas a começar imediatamente a procurar uma alternativa para a China, incluindo trazer suas empresas para casa e fabricar seus produtos nos EUA.”

“Nós não precisamos da China e, francamente, estaremos bem melhores sem ele”, escreveu o presidente dos EUA. “Nossa economia, por causa dos últimos dois anos e meio, é muito maior que a da China, e nós a manteremos assim”.

Não ficou claro qual autoridade legal Trump poderá usar para obrigar as empresas norte-americanas a fechar suas operações na China ou interromper o fornecimento de produtos do país.

O presidente dos EUA disse que também ordena que empresas como FedEx, Amazon.com, UPS e o Serviço Postal dos EUA procurem recusar todas as entregas de fentanil para os EUA.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by