A sociedade no início do século 20, rompeu conceitos que subjugava as mulheres e que as tornavam frágil, submissa e dependente. Esses movimentos caminharam e caminham para fim da opressão em todos os sentidos, colecionaram e colecionam vários avanços para as mulheres na sociedade. Ao longo do tempo, desperta a necessidade delas e todos nós em solidariedade, reafirmar a ruptura com o machismo, o sexismo e a intolerância. O papel Delas na sociedade seja na política, no trabalho, no dia a dia ou em realitys shows é fundamental para construirmos uma sociedade plural, acolhedora e acima de tudo de todos, em todos os sentidos.

A televisão retrata essa sociedade, quando em programas manifesta essa pluralidade de gêneros, cores, opções sexuais, etnias e formas de expressão, mas quando o não consentimento e o inesperado retrata ABUSO e DESRESPEITO, não podemos tolerar.

“Nós, da família de Hariany Almeida, estamos totalmente consternados pelo atentado contra a dignidade sexual sofrida pela participante durante o reality A Fazenda. O beijo que o senhor Phellipe Haagensen deu em Hariany, sem consentimento, pode ser configurado como contravenção penal e fere, não só em sua pessoalidade, mas como mulher. Não é aceitável em nenhuma hipótese que este ato fique impune. Por isso, pedimos providências imediatas dos órgãos competentes”, diz a nota oficial da família da “peoa” Hariany.

No dia 28, milhões de brasileiros presenciaram um abuso que não pode ser TOLERADO, porque tolerar será perder décadas de avanços nas políticas de empoderamento das mulheres.

Diz a família do participante Phellipe Haagensen.

“Jogo do Phellipe é de desestabilizar as pessoas, e acreditamos que a intensidade da pressão pré e pós confinamento está mexendo no emocional dele e de muitos ali. Roubar um selinho de alguém, no calor de uma confusão, poderia ocasionar uma reação da mesma em agredi-lo, e causar a expulsão dela”.

Mesmo se tratando de um jogo, os “realitys shows” que na tradução significa “mostra de realidades” que as emissoras popularizam em grande escala as reações humanas em diversos momentos ditos do “dia a dia” onde se busca o “melhor” o “bem preparado” a ganhar um prêmio, é intolerável algo que transgrida a dignidade da pessoa humana, atos de intimida sem consentimento mútuo ou vilipêndios a individualidade.

É fundamental que a todo momento reafirmemos a necessidade do bom senso, ponderação, equilíbrio e autocontrole principalmente quando se refere ao veículo de massa e segmentação cultural como é a televisão. Pedimos a emissora Record Tv que não só julgue, caso seja, concordar com o ato do participante Phellipe Haagensen, retrocesso as conquistas das lutas das mulheres como uma transgressão penal as leis vigentes em nosso país.

Aguardando o pronunciamento da emissora.

#fimdomachismo

#fimdosexismo

#tudocomconsentimento

#respeito

#somostodoshariany

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by