Jornal Povo

Lindbergh Farias tem direitos políticos suspensos por improbidade

O ex-senador Lindbergh Farias teve seus direitos políticos suspensos pela 2ª Vara Cível de Nova Iguaçu por cinco anos por conta dos remédios que eram distribuídos na cidade não terem o símbolo do município, mas o símbolo da gestão dele. Ele foi prefeito do município entre os anos de 2005 e 2010.
A ação civil pública foi proposta pela 3ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Núcleo Nova Iguaçu, do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), e a conduta foi considerada irregular por caracterizar “promoção pessoal”.

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.