Jornal Povo

Aluno armado com canivete, faca e fogos é detido por suspeita de ameaçar colegas em escola de SP

Um aluno de 15 anos foi detido na manhã desta sexta-feira (22) pela Polícia Militar (PM) por suspeita de entrar armado com canivete, faca e duas caixas de fogos de artifício numa escola da Zona Sul de São Paulo e ameaçar colegas que estavam no local.

As informações foram confirmadas pela assessoria de imprensa da corporação, pela Secretaria da Segurança Pública (SSP) e pela Secretaria Municipal de Educação _que informou que “o aluno foi contido”, ninguém se feriu e “as aulas seguem sem interrupções”

De acordo com a PM, o adolescente infrator entrou no banheiro do Centro Educacional Unificado (CEU) Parque Bristol, na Rua Professor Artur Primavesi, portanto as duas armas brancas e os dois artefatos explosivos.

Ainda segundo a Polícia Militar, o adolescente ameaçou esfaquear outros três garotos.

A reportagem obteve informações, ainda não confirmadas oficialmente, de que o adolescente apreendido pela PM seria aluno do 9º ano do ensino fundamental, estaria mascarado e foi contido por funcionários do CEU antes de tentar esfaquear alguém.

Durante o trajeto, o adolescente teria dito a seus responsáveis que entrou armado porque sofria bullying de três alunos, os mesmos que tentou esfaquear. PM ainda não confirmou essas informações.

De acordo com a corporação, os menores de idade envolvidos no caso foram todos levados ao 83º Distrito Policial (DP), Parque Bristol. Os pais dele teriam ido juntos.

Por meio de nota, a Secretaria da Segurança Pública comentou a apreensão do adolescente infrator:

“O caso está sendo registrado no 83º Distrito Policial (Parque Bristol). Policiais militares foram acionados ao local e detiveram o menor, de 15 anos, que estava com um canivete, uma faca, duas caixas de fogos de artificio e uma caixa de fósforo. Após o registro ele será encaminhado à Vara da Infância e da Juventude. Não há informações de feridos.”

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Educação se posicionou sobre o caso:

“A Secretaria Municipal de Educação esclarece que o aluno foi contido antes de qualquer ato de violência, evitando que qualquer pessoa fosse ferida. Imediatamente, a direção da unidade acionou os responsáveis, o Conselho Tutelar, o Núcleo de Apoio e Acompanhamento para a Aprendizagem (NAAPA) e a Comissão de Mediação de Conflito da unidade para acompanharem o caso. As partes foram encaminhadas para registro de boletim de ocorrência na delegacia da área. As aulas seguem sem interrupções.”

Via: G1


Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.