Jornal Povo

Damares convoca coletiva fake para promover campanha contra violência à mulher

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, convocou uma coletiva de imprensa falsa como parte do lançamento de uma campanha de enfrentamento à violência contra a mulher, nesta segunda-feira. Ao encarar os jornalistas, Damares, demonstrando estar emocionada, ficou em silêncio por alguns segundos e depois deixou o local. Mais tarde, a assessoria do ministério confirmou que se tratava de uma “ação de marketing”.

A campanha, que tem a participação da cantoras Simone e Simaria, custou R$ 11 milhões, segundo o governo federal. A peça publicitária será veiculada em nas emissoras de televisão aberta, rádio, redes sociais, cinema e mídia externa.

Já estava programada para às 16h uma solenidade pelo Dia do Enfrentamento à Violência Contra a Mulher. Por volta das 14h, a Secretaria de Comunicação (Secom) do Planalto enviou um aviso aos jornalistas de que Damares falaria antes da cerimônia, às 15h. Com quase meia hora de atraso, Damares chegou e permaneceu em silêncio na frente dos repórteres.

A cena foi gravada pela Secom e, no início da cerimônia, publicada nas rede sociais da ministra. Questionada, a assessoria confirmou que a cena da ministra fazia parte da campanha que tem como tema: “Se uma mulher perde a voz, todas perdem”.

Ao final do evento, a própria ministra explicou que ela queria demonstrar “como é difícil uma mulher ficar em silêncio”. Damares Alves agradeceu os repórteres por “voluntariamente ou involuntariamente” terem participado da ação de marketing.

— Eu fiquei em silêncio para que vocês sintam como é difícil uma mulher ficar em silêncio. Quando eu queria falar tanto com vocês hoje, dizer para vocês desta campanha belíssima, eu preferi ficar em silêncio. É muito ruim tirar a voz de uma mulher. Era esse o recado que eu queria dar. E obrigada por terem participado voluntariamente ou involuntariamente da campanha. Que todas as mulheres tenham voz — justificou a ministra, chamada de “mita” durante a cerimônia.

De acordo com a Secom, a campanha que usará a hashtag #vctemvoz será veiculada até domingo, 1º, em televisão aberta, rádio, redes sociais, cinema e mídia externa. O propósito é incentivar as mulheres a não se calarem em caso de agressões, denunciando por meio do canal “Ligue 180” do Governo Federal.

Além da dupla Simone e Simaria que cantam uma música criada exclusivamente para a ação, a campanha terá a participação de influenciadoras como Sabrina Sato, Thais Fersoza, Nina Secrets, entre outras, nas redes sociais.

Via: Jornal Extra








Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.