Jornal Povo

Pedagoga acusada de atropelar e matar jovem na Zona Oeste do Rio é solta

A pedagoga Karla Vasconcellos de Almeida, de 41 anos, acusada de atropelar e matar o operador de máquinas Jonatan Lima da Silva, de 24 anos, no mês passado, foi solta no início da tarde desta quinta-feira. A Justiça havia decretado a prisão temporária de Karla por 30 dias e a Polícia Civil não pediu a prorrogação do prazo, por isso a pedagoga foi colocada em liberdade. Ela deixou o Instituto Penal Oscar Stevenson, em Benfica, na Zona Norte do Rio, pouco depois de meio-dia.

Karla é acusada de ter atropelado Jonatan na Estrada do Catonho, em Jardim Sulacap, na Zona Oeste, quando fugia na contramão de agentes da blitz Lei Seca. Na madrugada do crime, a pedagoga chegou a ser presa, mas foi solta após pagar fiança de mil reais estipulada pelo delegado da 35ª DP (Campo Grande), que entendeu tratar-se do crime de homicídio culposo na direção de veículo automotor. O caso foi levado para a delegacia porque a unidade concentra os flagrantes da região.

O caso foi encaminhado para a 33ª DP (Realengo), delegacia responsável pela área do acidente. O delegado titular da unidade, Reginaldo Guilherme, resolveu pedir a prisão temporária da pedagoga por entender que ela havia cometido o crime de homicídio doloso. O Laudo Prévio de Alcoolemia apontou que a pedagoga havia consumido bebida alcoólica e que ela não tinha “condições de condução do veículo”.

— Ela assumiu vários riscos. Embriagada, na contramão em uma via de bastante fluxo, atropela o rapaz e foge do local. É uma questão de bom senso. Tem que ser presa e a tipificação do homicídio é doloso — afirma o delegado.

Após ter a prisão decretada pela Justiça, Karla chegou a ficar foragida por dois dias, mas foi presa por policiais da 33ª DP.

Via: Jornal Extra






Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.