Jornal Povo

Engenheiro explica vazamento em estrutura do Túnel Marcello Alencar

Construído às margens da Baía de Guanabara, o Túnel Marcello Alencar, inaugurado em 2016 na Zona Portuária, é frequente alvo da preocupação de motoristas e internautas. Nas redes sociais, circulam diversas imagens de água que escorre nas paredes do túnel. No dia 1º de dezembro, não foi diferente. Uma mensagem com o título “tragédia anunciada” dava conta de que o vazamento estava aumentando rapidamente e o local teria sido fechado por isso. Mas o motivo do fechamento foi outro: treinamento de ciclistas de competição, no domingo.

O engenheiro Antero Jorge Parahyba,

especialista em danos na construção, não acredita em riscos. “Por conta da proximidade com o mar, o túnel já foi projetado para que a água corra no sistema de calhas. O que é necessário é um reparo periódico, para que não haja desgaste no sistema. Se não houver manutenção a todo tempo, há risco do desplacamento de revestimento do teto, que pode cair nos veículos”, explicou.

Companhia rebate boato: ‘Medo infundado’

A Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto (Cdurp) destacou, por nota, que periodicamente boatos, em aplicativos de mensagens, provocam medo infundado sobre o Túnel Marcello Alencar. “Todo túnel subterrâneo, principalmente se estiver próximo à costa, recebe contribuição do lençol freático. Isso é esperado e previsto em projeto: quando há insurgência de água, o volume é conduzido pela rede de drenagem até uma das cisternase bombeado de volta ao mar.

O túnel também passa por manutenção periódica e monitoramento por câmeras”. A pista sentido Zona Norte fecha todas as segundas e terças-feiras, das 23h às 5h e a pista sentido Zona Sul, todas as quintas e sextas-feiras, no mesmo horário.

“Ao contrário do que se propaga eletronicamente, o sistema de drenagem do túnel está em pleno funcionamento. Com cisterna com capacidade útil para
armazenar 443 mil litros de água, o que corresponde a 88 caminhões pipa (de 5 mil litros), é composto por quatro bombas, cada uma com capacidade de retirar 200 metros cúbicos de água por hora, o equivalente a 40 caminhões pipa por hora em cada bomba”, finalizou a companhia.

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.