Home Últimas notícias Prefeitura começa a pagar 13º de servidores que ganham até R$ 3 mil e garis do Rio

Prefeitura começa a pagar 13º de servidores que ganham até R$ 3 mil e garis do Rio

Prefeitura começa a pagar 13º de servidores que ganham até R$ 3 mil e garis do Rio

Servidores da Prefeitura do Rio que recebem até R$ 3 mil e garis da Comlurb começaram a receber o pagamento da 2ª parcela do 13º salário nesta segunda-feira (23). A expectativa é que todos recebam até o fim do dia.

A informação divulgada pela prefeitura foi confirmada ao G1 e à TV Globo por sindicatos e por servidores. Os valores começaram a cair na conta à tarde, três dias após o prazo legal, que se esgotou na sexta-feira (20).

A prefeitura promete pagar até sexta-feira (27) o restante dos servidores, que recebem mais de R$ 3 mil.

Situação dos pagamentos

  • servidores que ganham até R$ 3 mil: 13º sendo quitado nesta segunda;
  • servidores que ganham acima de R$ 3 mil: 2ª parcela do 13º prometida para sexta (27);
  • garis e outros funcionários da Comlurb: 13º sendo quitado nesta segunda;
  • empresa de coleta de lixo (Ciclus): acordo de R$ 7 milhões teve R$ 3 milhões pagos, com promessa de pagar os outros R$ 4 milhões até sexta;
  • OSs da Saúde: pagamentos feitos e salários quitados.

Um acordo entre a prefeitura e a Ciclus, empresa de coleta de lixo, previa o pagamento de R$ 7 milhões até esta segunda. Só foram pagos cerca de R$ 3 milhões, segundo a empresa, que prometeu continuar o serviço com a promessa do pagamento do restante até o fim da semana.

Um documento enviado pela Secretaria Municipal de Fazenda do Rio de Janeiro aos vereadores mostra que o município está contando com um dinheiro que nem sequer sabe se vai receber.

Todo o dinheiro extra que o município espera arrecadar será suficiente apenas para pagar os salários dos servidores no início de janeiro. Depois disso, a previsão do próprio município é de ficar com apenas R$ 6 milhões na conta – um caixa ainda mais vazio que o atual.

O documento, ao qual a TV Globo teve acesso, mostra que o município tinha, na última sexta-feira, apenas R$ 29,4 milhões em caixa.

Para fazer os pagamentos, a prefeitura conta com uma verba que poderá entrar até o fim da semana. Para pagar a folha, seriam necessários pelo menos R$ 117,4 milhões. Além disso, o pagamento do Fundo de Previdência exige R$ 155 milhões.

A prefeitura fez um acordo com a Ciclos Ambiental, responsável pela administração do aterro sanitário. Pelos termos, o município se compromete a pagar R$ 7 milhões à firma ainda nesta segunda-feira (23) e mais R$ 20 milhões entre sexta-feira (27) e a próxima segunda (30) — não se sabe, entretanto, com qual verba.

A Secretaria Municipal de Fazenda ainda informa não ter verba para custeio — até o recebimento do IPTU, todo o dinheiro que entrar em caixa de agora até janeiro será usado para pagamento de pessoal e nada mais.

No documento, a Secretaria Municipal de Fazenda apresenta as possíveis de fontes de renda:

  • R$ 40 milhões de doações da Câmara;
  • R$ 37,2 milhões do desconto do Imposto de Renda;
  • R$ 35 milhões de negociação de dívidas da empresa do setor de recursos minerais CGG;
  • R$ 100 milhões de dívidas da Caixa Econômica Federal;
  • R$ 273 milhões de devolução de arrestos feitos pela Justiça.

Via: G1

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by