Menino de 5 anos baleado na cabeça é transferido para UTI pediátrica; estado ainda é grave

O menino de 5 anos atingido por uma bala perdida na cabeça, no Engenho Novo, na Zona Norte do Rio, conseguiu uma vaga na UTI pediátrica e foi transferido para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha, na manhã desta terça-feira (28).

A bala que atingiu a criança continua alojada na cabeça. Ela não foi retirada para não agravar seu estado de saúde, que é considerado grave, segundo a Secretaria Municipal de Saúde.

Arthur Gonçalves Monteiro passou por cirurgia na madrugada desta terça-feira (28) no Hospital Salgado Filho, no Méier, para onde foi levado após ser baleado no Morro de São João. Ele acompanhava o pai em uma partida de futebol quando policiais da UPP foram atacados por traficantes e iniciaram intensa troca de tiros. Os criminosos fugiram e ninguém foi preso.

Nesta manhã, João Paulo Monteiro Esperança, tio paterno do menino, disse que precisou recorrer ao Plantão Judiciário para conseguir a transferência.

O avô paterno também passou a madrugada no Salgado Filho.

“Pela idade dele, 5 anos, a gente nunca esperava que isso pudesse acontecer. Ele não tem como esperar muito pelo atendimento”, disse Waldir Gonçalves da Silva. “É muito duro. Só Deus.”

Segundo a família, Paulo Roberto Monteiro, pai de Arthur, se jogou por cima do filho para protegê-lo do tiroteio e foi atingido por uma bala na mão. O projétil atravessou a mão de Paulo Roberto e ficou alojada na cabeça do garoto.

O pai de Arthur também foi levado para o Hospital Salgado Filho, foi atendido e medicado e passa bem.

A Polícia Civil vai investigar de onde partiu o tiro que atingiu Arthur.

Arthur é a segunda criança vítima de bala perdida este ano no RJ.

Via: G1

Facebook Comments

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by