Jornal Povo

Menino de 5 anos baleado na cabeça é transferido para UTI pediátrica; estado ainda é grave

O menino de 5 anos atingido por uma bala perdida na cabeça, no Engenho Novo, na Zona Norte do Rio, conseguiu uma vaga na UTI pediátrica e foi transferido para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha, na manhã desta terça-feira (28).

A bala que atingiu a criança continua alojada na cabeça. Ela não foi retirada para não agravar seu estado de saúde, que é considerado grave, segundo a Secretaria Municipal de Saúde.

Arthur Gonçalves Monteiro passou por cirurgia na madrugada desta terça-feira (28) no Hospital Salgado Filho, no Méier, para onde foi levado após ser baleado no Morro de São João. Ele acompanhava o pai em uma partida de futebol quando policiais da UPP foram atacados por traficantes e iniciaram intensa troca de tiros. Os criminosos fugiram e ninguém foi preso.

Nesta manhã, João Paulo Monteiro Esperança, tio paterno do menino, disse que precisou recorrer ao Plantão Judiciário para conseguir a transferência.

O avô paterno também passou a madrugada no Salgado Filho.

“Pela idade dele, 5 anos, a gente nunca esperava que isso pudesse acontecer. Ele não tem como esperar muito pelo atendimento”, disse Waldir Gonçalves da Silva. “É muito duro. Só Deus.”

Segundo a família, Paulo Roberto Monteiro, pai de Arthur, se jogou por cima do filho para protegê-lo do tiroteio e foi atingido por uma bala na mão. O projétil atravessou a mão de Paulo Roberto e ficou alojada na cabeça do garoto.

O pai de Arthur também foi levado para o Hospital Salgado Filho, foi atendido e medicado e passa bem.

A Polícia Civil vai investigar de onde partiu o tiro que atingiu Arthur.

Arthur é a segunda criança vítima de bala perdida este ano no RJ.

Via: G1

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.