Jornal Povo

Alexander é chamado de macaco na Bolívia; Vasco lamenta episódio de racismo com o goleiro

A classificação do Vasco na Sul-Americana foi marcada por mais um episódio de racismo no futebol. O goleiro Alexander foi insultado por torcedores do Oriente Petrolero, no Estádio Ramon Aguilera, em Santa Cruz de La Sierra.

Jogo do Vasco na Bolívia tem cena de racismo

Jogo do Vasco na Bolívia tem cena de racismo

Aos 40 minutos do segundo tempo, Alexander, Miranda e Ricardo Graça deixam o banco de reservas e se queixam para a arbitragem. A transmissão flagrou o goleiro alegando ter sido chamado de macaco. Ricardo Graça recebeu cartão amarelo por reclamação.

O texto do Vasco:

“É triste ver que em pleno 2020 ainda observamos tantos casos de racismo no futebol. Não há mais espaço para este tipo de pensamento. Ao Alexander e todos que possivelmente se sentiram ofendidos, nossa solidariedade.

ESTAMOS JUNTOS, SEMPRE!É triste ver que em pleno 2020 ainda observamos tantos casos de racismo no futebol. Não há mais espaço para este tipo de pensamento.”

Fonte: Globoesporte

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.