Jornal Povo

Guedes pede a Maia e Alcolumbre que Congresso vote propostas para ‘blindar’ economia brasileira

Diante da crise internacional e das consequências do coronavírus para os mercados, o ministro da Economia, Paulo Guedes, enviou na noite desta terça-feira (10) um ofício aos presidentes da Câmara e do Senado pedindo a aprovação de 19 propostas prioritárias da pauta econômica. São 16 projetos de lei ou medidas provisórias e três propostas de emenda à Constituição.

O documento foi obtido com exclusividade pela TV Globo. No pedido, feito ao deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) e ao senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), Guedes afirma que as propostas atendem à “necessidade de blindagem da economia brasileira” frente ao atual cenário econômico.

“Trata-se de matérias infraconstitucionais que já estão em tramitação e que são extremamente relevantes para resguardar a economia do país, aumentar a segurança jurídica para os negócios e atrair investimentos”, diz Guedes no ofício.

Entre as propostas (veja íntegra da lista abaixo), estão a autonomia do Banco Central, a privatização da Eletrobrás, a medida provisória do Programa Verde Amarelo e os novos marcos legais de gás, setor elétrico, saneamento básico, ferrovias e concessões.

PECs na lista

Paulo Guedes também falou aos presidentes de Câmara Senado sobre a necessidade de aprovar três Propostas de Emenda à Constituição (PECs) que fazem mudanças estruturais nas contas públicas: a PEC do Pacto Federativo, a PEC Emergencial e a PEC dos Fundos.

Segundo o ministro, essas mudanças na Constituição vão permitir que “o país tenha contas equilibradas e que promovam a transformação do Estado brasileiro em favor da prestação de melhores serviços aos cidadãos”.

Por mexerem na Constituição Federal, as PECs têm tramitação mais lenta e requerem mais votos favoráveis que um projeto de lei ordinária. Os outros itens – projetos de lei e medidas provisórias – têm tramitação mais simples e, em tese, poderiam ser aprovados em um prazo menor.

Crise internacional

No ofício ao Legislativo, Paulo Guedes diz que, se aprovada ainda no primeiro semestre, a pauta econômica tem “a capacidade de proteger o Brasil da crise externa”. O ministro afirma que a equipe econômica do governo “monitora atentamente a evolução dos cenários internacional e doméstico”.

“Com a continuidade de reformas estruturais que o país precisa, será possível recuperar espaço fiscal suficiente para a concessão de outros estímulos à economia”, declarou o ministro.

Confira a lista de 19 projetos prioritários:

Tramitando na Câmara:

Tramitando no Senado:

Tramitando no Congresso Nacional:

Propostas de Emenda à Constituição:

Fonte: G1

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.