Jornal Povo

Confira alterações nos serviços e outras mudanças já anunciadas para conter o novo coronavírus no RJ

Com a confirmação de mais casos de coronavírus, os governos estadual e municipal vêm ampliando o pacote de medidas para enfrentar a doença e evitar a propagação do vírus em todo o estado do Rio de Janeiro. Há alterações no comércio, na educação, nos serviços públicos e nos transportes, gerando também mudanças na rotina da população.

O governador Wilson Witzel decretou situação de emergência nesta terça-feira (17) e anunciou corte de 50% da lotação dos ônibus.

O RJ tem até o momento 31 casos confirmados da doença, segundo último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde.

Confira abaixo as principais mudanças no estado:

Lotação e ônibus interestaduais

Uma das medidas mais recentes é a redução de 50% da capacidade de lotação dos transportes públicos e o corte Passe Livre.

Em relação aos ônibus interestaduais, o decreto suspende a circulação daqueles que tenham origem em estado com circulação do vírus confirmada ou situação de emergência decretada.

Linhas municipais e intermunicipais

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, também confirmou na manhã desta terça-feira que os ônibus municipais só circularão com passageiros sentados.

Em paralelo, o Detro publicou uma portaria nesta terça-feira (17) que restringe as linhas intermunicipais de ônibus no RJ.

Por 15 dias, está proibida a circulação de quaisquer ônibus entre a Região Metropolitana e o interior. A medida afeta linhas regulares, coletivos fretados e veículos de turismo.

Voos

O decreto estadual recomenda também restringir, por 15 dias, voos de locais que tenham casos de coronavírus.

Educação

Escolas públicas – As aulas foram suspensas na segunda no estado e em vários municípios. No estado, as unidades fecham por 15 dias antecipando as férias escolares. Na capital, o fechamento é por pelo menos uma semana.

Na rede municipal, 337 unidades permanecem abertas entre 11h e 13h para servir o almoço aos alunos. Confira a lista.

Escolas particulares – O Sindicato das Escolas Particulares informou que seguirá a determinação do governador Wilson Witzel sobre suspensão das aulas. Segundo a entidade, as escolas já estão sendo comunicadas sobre a decisão.

Universidades – A Universidade Federal Fluminense (UFF) decidiu adiar por uma semana o início do período letivo. A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) também suspendeu as aulas por 15 dias. A instituição já havia suspendido as atividades extracurriculares. Uerj e Unirio anunciaram que as aulas estão suspensas até o final do mês.

IFRJ – O Instituto Federal do Rio de Janeiro também suspendeu as aulas da instituição.Atividades nos campi e na Reitoria estão suspensas até terça-feira (17).

Cecierj – A Fundação informa que as atividades nos polos Cederj, escolas Ceja e unidades do Pré-vestibular Social terão recesso de 15 dias, a partir desta segunda (16). A volta às aulas será informada pelo nosso site, redes sociais oficiais e pelas plataformas educacionais.

Saúde

Cirurgias – Desde segunda (16), todas cirurgias eletivas nos hospitais públicos e universitários — exceto oncológicas e cardiovasculares — estão suspensas. Hospitais só realizarão cirurgias de urgência e emergência.

Visitas – Enfermarias só poderão receber uma pessoa por paciente em dias alternados com horário ampliado. Visitação de pacientes com diagnóstico de coronavírus continua suspensa.

Rioprevidência

O Rioprevidência informou que está suspensa a prova de vida para aposentados e pensionistas.

Bancos

Os bancos funcionam normalmente, mas há uma determinação para que as agências reforcem a higiene nos caixas eletrônicos.

Outra recomendação é que os clientes usem preferencialmente os serviços por internet ou telefone.

Detran-RJ

O Detran-RJ decidiu fechar praticamente toda a sua rede a fim de conter o coronavírus. Das 495 unidades em todo o estado, apenas a sede e quatro postos ficarão abertos para casos de emergência.

O órgão explicou que pessoas com casos suspeitos e testagem positiva para o vírus foram aos postos do Cocotá (Ilha do Governador), Bangu e Angra dos Reis.

O Detran já prorrogou por mais 30 dias o prazo para renovação da Carteira de Habilitação (CNH) e anistiou o pagamento de multa para quem registrar a Transferência de Propriedade com atraso em decorrência do risco de surto do coronavírus.

Quem tiver urgência deve ligar para os telefones 3460-4040 ou 3460-4041 (para a Região Metropolitana) e 0800-020-4040 ou 0800-020-4041 (para o interior) e será orientado sobre como proceder para resolver o problema. Basta comprovar a situação de emergência.

Comlurb

A Comlurb informou nesta terça-feira que o atendimento presencial ao público foi cancelado.

Quem foi autuado pelo programa Lixo Zero e quiser recorrer da multa deve aguardar até que as atividades presenciais sejam retomadas. Os prazos para recurso estão suspensos, sem prejuízo para quem foi multado.

Todos as solicitações, porém, continuam sendo feitas e atendidas pela Central de Atendimento da Prefeitura pelo 1746, telefone, whatsapp e internet.

Petrobras

A empresa anunciou a suspensão ou cancelamento de reuniões, treinamentos e eventos com mais de 20 pessoas. A preferência é que reuniões aconteçam por videoconferências e viagens ao exterior canceladas.

Cultura

O prefeito Marcelo Crivella anunciou as seguintes medidas na cidade:

  • não dar licença e cancelar alvarás de eventos com aglomeração de pessoas (taxas de alvará e ingressos serão reembolsados;
  • suspender atividades em cinemas, lonas culturais, teatros e museus

Feiras, teatros, shows, museus e jogos

Sessões de cinema, teatro, shows, feiras, eventos científicos, jogos de futebol e demais eventos desportivos, comícios, passeatas estão suspensos por 15 dias.

Eventos em salão ou casa de festas, como aniversários, também estão suspensos pelo mesmo período.

Entre as atividades já adiadas na cidade estão:

  • Super Rio Food, prevista para começar domingo no Riocentro
  • Feira Rio Artes Manuais, no Centro de Convenções SulAmérica
  • Estreia da peça “Quarta-feira, sem falta, lá em casa”, no Teatro Claro
  • Espaço Oi Futuro, no Flamengo, suspendeu atividades do Centro Cultural e do Musehum (Museu das Comunicações e Humanidades) desde sábado (14).
  • Aquario – Está fechado para visitação, por um período de 15 dias, desde segunda-feira (16).
  • Museu de Arte Moderna (MAM) – Atividades públicas estão suspensas até 31 de março.

Bondinho Pão de Açúcar

O Bondinho do Pão de Açúcar suspendeu as atividades pelo período de 15 dias. O prazo, segundo a administração, poderá ser reavaliado a qualquer momento.

Os visitantes que adquiriram ingressos para este período vão poder fazer o reagendamento a partir da data de reabertura do parque por meio do Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) para até 180 dias após a data do bilhete.

Em caso de dúvidas, os visitantes podem entrar em contato pelo e-mail [email protected].

Shoppings e academias

O governo do RJ recomenda que shoppings centers, centros comerciais e academias de ginástica permaneçam fechados.

As exceções são supermercados, farmácias e serviços de saúde.

Duas das maiores redes de academias da capital – Smart Fit e Body Tech – anunciaram que ficarão fechadas por 15 dias.

Na Smart Fit, a medida vale a partir desta terça (17), e na Body Tech, de quarta (18).

As duas unidades informaram que os clientes não terão prejuízo. Na Smart Fit, o valor já pago será abonado da próxima mensalidade. E na Body Tech, os planos serão automaticamente prorrogados pelo número de dias que as academias da rede ficarem fechadas.

Parques do Rio

O prefeito Marcelo Crivella disse que alguns parques do Rio ficarão fechados a partir de quarta-feira (18). São eles:

  • Mendanha
  • Grunado / Prainha
  • Chico Mendes
  • Bosque da Barra
  • Bosque da freguesia
  • Chacrinha
  • Darke de Mattos
  • Catacumba
  • Dois irmãos

Bares, restaurantes e lanchonetes

A recomendação do governo estadual é restringir a 30% a lotação em bares, restaurantes e lanchonetes, com normalidade de entrega e retirada de alimentos no próprio estabelecimento.

Polícia Militar

A PM está adotando uma escala de serviço diferenciada desde sexta (13) e o governador Wilson Witzel afirmou que férias estão suspensas.

Em comunicado interno, a corporação determinou que os comandantes adotem a escala de expediente administrativo no modelo de revezamento desta sexta. Até o momento, não há alteração nas escalas dos policiais que atuam nas ruas.

Delegacias

O acesso será restrito nas unidades para evitar filas e aglomeração no atendimento. Só serão atendidos os casos de homicídio, prisões em flagrante, roubo de veículos e crimes graves que envolvam violência física ou sexual com crianças e adolescentes ou com incidência na Lei Maria da Penha.

Os outros casos devem ser registrados através da Delegacia Online, no site da Polícia Civil.

Polícia Federal

A Polícia Federal informou, na manhã desta terça-feira (17), que está suspenso todo o atendimento ao público e a emissão de passaportes no RJ.

O serviço só será feito para as pessoas que tenham viagem comprovada nos próximos 30 dias.

Já a regularização migratória também só é feita em casos de urgência, como em situações em que os trabalhadores sejam penalizados nas empresas ou nas hipóteses de incidência de transplante de órgãos.

Tribunal de Justiça

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro anunciou modificações nos eventos para diminuir a circulação de pessoas nos prédios a partir desta segunda-feira (16).

Entre as medidas anunciadas, estão:

  • As audiências de primeiro e segundo grau serão suspensas por 60 dias;
  • Os prazos dos processos físicos serão suspensos por 14 dias, podendo ser prorrogados, caso necessário;
  • Já os prazos dos processos eletrônicos correm normalmente.

Justiça Federal

O órgão informou medidas para atender magistrados e servidores:

  • Afastamento por 14 dias de magistrados e servidores que retornarem de viagem a áreas com circulação sustentada do Covid-19;
  • A possibilidade de trabalho remoto para aqueles com mais de 60 anos, portadores de doenças crônicas e gestantes;
  • A suspensão de atendimentos presenciais a partes e advogados, quando puderem ser feitos pela internet ou por telefone.

Alerj

Algumas medidas também foram adotadas na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro e vão durar 30 dias. As sessões deliberativas no plenário, no entanto, seguem mantidas. Confira:

  • Acesso restrito a deputados, funcionários e imprensa;
  • Visitas guiadas e audiências públicas serão suspensas;
  • Comissões especiais terão audiências por videoconferências.

Câmara Municipal

A Câmara dos Vereadores permitirá apenas a entrada de parlamentares, servidores, estagiários, terceirizados, profissionais de imprensa, assessores de entidades e órgãos públicos e representantes de instituições de âmbito nacional.

Visitantes só terão acessos de autorizados pelos respectivos gabinetes e cadastrados. Eventos não relacionados com as atividades legislativas estão suspensas.

Sessões solenes também deverão ser evitadas e o número de convidados para os debates de audiências públicas será reduzido.

A visitação pública e o uso das galerias A e B também está suspenso.

OAB-RJ

Em ato publicado na tarde desta quinta-feira (12), o presidente da OABRJ, Luciano Bandeira, suspendeu temporariamente as cerimônias de entrega de carteira aos novos inscritos.

A decisão foi tomada após a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarar estado de pandemia a propagação do novo Corona Vírus (Covid-19).

Os novos inscritos já podem retirar os documentos de identificação profissional. Para isso, é preciso procurar o Departamento de Seleção e Inscrição e formalizar o termo de compromisso por escrito.

Academia Brasileira de Letras

A Academia Brasileira de Letras suspendeu suas atividades abertas à sociedade por causa da pandemia do novo coronavírus na quinta-feira (12).

Segundo a academia, os atendimentos nas bibliotecas Rodolfo Garcia e Lúcio de Mendonça e no arquivo Múcio Leão foram encerrados temporariamente.

Transportes

As empresas que administram os transportes públicos do RJ já adotaram medidas de segurança para conter a Covid-19.

  • BARCAS
  • A CCR Barcas disponibilizou dispensers com álcool gel a 70% nas estações e informa, por meio de locuções e de um banner no site da empresa, sobre as ações preventivas contra a propagação do vírus.
  • TRENS
  • A SuperVia criou um comitê interno e irá contratar equipes especiais para executar trabalhos de desinfecção interna dos trens. As ações serão tomadas gradativamente, considerando o nível de alerta oficial emitido pelas autoridades públicas.
  • BRT
  • O BRT Rio começou a divulgar as informações oficiais das autoridades de saúde para esclarecer as principais dúvidas de passageiros e colaboradores sobre a doença. Há cartazes no sistema informando sobre a Covid-19.
  • VLT
  • O VLT Carioca vai liberar automaticamente o serviço de portas para que os usuários não precisem tocar no botão. A empresa disse que vai intensificar suas ações de limpeza das composições e dos aparelhos de ar-condicionado.
  • METRÔ
  • O MetrôRio reforçou a limpeza nos trens e estações. A concessionária também está veiculando campanhas educativas a fim de orientar os passageiros e colaboradores.

Consumidor

Procon– suspenso o atendimento presencial ao consumidor por 30 dias. Atendimento continua no aplicativo procon/RJ e no Procon Online.

Via: G1

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.