Jornal Povo

Polícia prende homem suspeito de fazer parte de grupo que planejava saques a lojas do Rio e Baixada

Agentes da 55 DP (Queimados) prenderam um homem suspeito de fazer parte de um grupo criado para organização de saques a lojas na cidade do Rio durante as medidas de enfrentamento ao Coronavírus. Anízio Michel Ferreira, conhecido como ‘Michelzinho’, trabalha como ambulante em bairros de Madureira e Vargem Grande, além de trabalhar também no BRT e nos trens.

Segundo a polícia, ‘Michelzinho’ em depoimento disse que pelo menos 150 pessoas estão envolvidas no esquema. Os ataques seriam feitos nos supermercados Guanabara, lojas Casas Bahia, Casa & Vídeo e Lojas Americanas. Ainda segundo a polícia, os primeiros bairros a sofrerem os saques seriam Irajá e Madureira, na região metropolitana; e em Duque de Caxias e Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Durante a ação também foi apreendido um aparelho celular com o preso, que teria sido resultado de um furto que ele fez na estação do BRT Alvorada, em novembro do ano passado. Ele responderá pelo crime de receptação.

Desde que foram adotadas as medidas emergenciais contra o Covid-19, os criminosos aproveitam as ruas vazias para praticar esse tipo de crime. Esse grupo foi criado no WhatsApp essa semana. A polícia agora investiga para encontrar outros envolvidos.

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.