Gabigol decide no fim, Flamengo derrota o Fortaleza e assume o 2º lugar do Brasileiro

O Flamengo oscilou diante de um rodízio implementado por Domènec Torrent, mas Gabigol voltou para dar a primeira vitória da equipe no Maracanã neste Brasileiro. O placar de 2 a 1 sobre o Fortaleza, deixa o Rubro-Negro em segundo, com14 pontos.

Apesar de ter sido o salvador da noite, Gabigol não ficou em campo para o treino, que normalmente acontece após as partidas, dos atletas do Flamengo que iniciaram o jogo na reserva. O atacante saiu irritado e foi amparado pelo vice de futebol Marcos Braz.

Gabigol comemora gol marcado contra o Fortaleza no Maracanã
Gabigol comemora gol marcado contra o Fortaleza no Maracanã Foto: Reuters

Embora tenha começado o jogo causando boa impressão, com intensidade e posse de bola, o Flamengo foi muito bem marcado pelo Fortaleza. O time de Rogério Ceni encontrou maneiras de incomodar, e resistir à pressão dos donos da casa até os 41 minutos do segundo tempo.

A trama que redundou no golaço de Everton Ribeiro, o primeiro do Flamengo, mostrou como o jogo posicional de Dome não prende os atletas. O meia estava aberto na ponta esquerda e recebeu de Arrascaeta, que mesmo atuando por dentro, também teve liberdade para flutuar pelos dois lados do campo. A trivela de Ribeiro, seguida por um chapéu no goleiro, após o rebote na finalização de Pedro, foi mais um item no repertório aparentemente interminável.

Do lado direito, Isla era quem tinha liberdade para atacar, com apoio dos meias. O Fortaleza se aproveitou disso e da pouca compactação do Flamengo. Osvaldo fez duas jogadas de perigo. Na primeira, Isla cometeu pênalti, que gerou o empate com Juninho. Em seguida, Osvaldo acertou a trave.

A entrada de Gabigol no segundo tempo fez o Flamengo ter meno presença de área. Com duas linhas na frente da área, o Fortaleza segurou o exército de atacantes lançados por Dome. Mas, no fim, o artilheiro decidiu.

Fonte: Jornal Extra

Facebook Comments

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by