Jornal Povo

Polícia indicia técnica de enfermagem que aplicou ‘vacina de vento’

A Polícia Civil do Rio de Janeiro indiciou por peculato e infração de medida sanitária preventiva uma técnica de enfermagem afastada pela prefeitura de Niterói após aplicar uma “vacina de vento” em um idoso de 90 anos no posto drive-thru da Universidade Federal Fluminense (UFF).

O crime de peculato é definido como aquele em que o funcionário público se apropria de “dinheiro, valor ou qualquer outro bem móvel, público ou particular, de que tem a posse em razão do cargo, ou desviá-lo, em proveito próprio ou alheio.”

Em depoimento à polícia, a técnica alegou que não aplicou a vacina corretamente no idoso porque estava cansada. Conforme o delegado titular da 76ª DP, Luiz Henrique Pereira, o próximo passo da Polícia Civil será relatar o inquérito e encaminhar para a Justiça.

Além de Niterói, outras duas cidades (Rio de Janeiro e Petrópolis) estão investigando casos de falsa aplicação de vacinas. A Polícia Civil informou que se as investigações confirmarem que houve desvio de dose ou qualquer outra irregularidade, os profissionais de saúde poderão ser autuados pelo crime de peculato.

Em nota, o Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro disse que as investigações continuam. Os envolvidos e as coordenações responsáveis pela vacinação contra a covid-19 serão ouvidos em breve pelo departamento de ética.

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.