Guerra entre milícia e tráfico de drogas volta a deixar rastros de sangue no Quitungo

Miliciano conhecido como Lápis foi morto na madrugada desta quinta-feira durante tiroteio na comunidade. Moradores vivem clima de tensão há pelo menos uma semana, após a comunidade ser invadida por traficantes

Estrada do Quitungo, em Brás de Pina. Moradores vivem clima de terror por conta de tiroteios

Rio – Há pelo menos uma semana que moradores o morro do Quitungo, em Brás de Pina, na Zona Norte do Rio, estão reféns da violência. A guerra entre o tráfico de drogas e a milícia, pelo controle da região, voltou a deixar rastros de sangue nas vielas da comunidade. Um homem foi morto no fim da madrugada desta quinta-feira (16) após confronto entre rivais. Segundo testemunhas, traficantes do Comando Vermelho (CV) invadiram a comunidade e tomaram o controle da venda de drogas na região. Durante o confronto desta quinta, um miliciano foi morto a tiros. A vítima seria um criminoso identificado como Lápis, apontado como uma das lideranças da milícia na comunidade. Segundo moradores, ele foi surpreendido por traficantes em um dos acessos ao Quitungo. 

Em nota, a Secretaria de Polícia Militar afirmou que “policiais militares do 16ºBPM (Olaria) foram acionados para verificar ocorrência no bairro Brás de Pina, na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro. No local, uma pessoa foi encontrada em óbito. Ocorrência ficou a cargo da Delegacia de Homicídios da Capital”.Além disso, afirmou que pelo menos seis batalhões estão reforçando o policiamento na região de Campo Grande e Santa Cruz neste momento e que unidades subordinadas ao Comando de Operações Especiais (COE) permanecem na Comunidade da Vila Aliança. “O reforço no policiamento tem apoio também de comboios do Batalhão de Rondas Especiais e Controle de Multidões (RECOM) e de aeronaves do Grupamento Aeromóvel (GAM). O patrulhamento visa garantir o retorno do transporte público com segurança na região”.

Na semana passada, traficantes do CV invadiram a comunidade ainda no horário em que moradores retornavam do trabalho. Houve intenso confronto e uma pessoa acabou morta. A vítima não teve a identidade revelada, mas segundo testemunhas se tratava de um morador.  

Facebook Comments

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by