O CASO DO SEQUESTRO EM NOVA IGUAÇU:”Bandidos se passam por policiais civis e raptam homem na frente da PM”

No sábado, vendedor foi levado algemado por homens armados com fuzis e carros com giroscópios, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Ele segue desaparecido

Rio — Em plena luz do dia, no último sábado, um homem foi levado, algemado, por bandidos que se passaram por policiais civis, na frente de uma viatura da Polícia Militar, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O vendedor Wilkinson Bruno Santos Júnior segue desaparecido. Segundo informações obtidas pela reportagem, Wilkinson dirigia uma Pajero, cor preta, na Estrada Nova Iguaçu, por volta das 17h, quando foi interceptado por dois carros que utilizavam giroscópios, próximo a um supermercado. Dos veículos desceram cerca de 10 homens, que utilizavam toucas ninjas, fuzis e coletes à prova de balas. O vendedor foi obrigado a descer do veículo sendo, em seguida, algemado.Nesse momento, uma viatura da PM, com dois agentes, chegou ao local e os criminosos afirmaram que eram policiais civis e estavam em diligência, solicitando que o carro oficial seguisse em frente.

Por conta da diferença numérica e para evitar um possível tiroteio em uma área movimentada, os agentes seguiram caminho com a viatura e pediram reforço. Quando retornaram ao local, os criminosos já haviam partido com Wilkinson, deixando a Pajero na rua.Imagens feitas por pedestres, logo após o crime, circulam pelas redes sociais. Nelas é possível ver o carro de Wilkinson com as portas abertas cercada por policias militares, logo após o rapto. Dentro do veículo, estava o celular da vítima, assim como outros pertences pessoais.

O caso foi registrado na 52ªDP (Nova Iguaçu), que segue a busca por Wilkinson. Informações podem ser passadas ao Disque-Denúncia no 2253-1177.

Facebook Comments

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by