Projeto gratuito em Nilópolis possibilita a chance de profissionalização de atletas

Uma carreira que começa cedo, e que a oportunidade faz a diferença. Nesta quinta-feira (10/02), se comemora o Dia do Atleta Profissional, uma profissão onde alguns fatores são fundamentais como uma boa percepção de alguém da família ou amigos para identificar o talento, a chance de conseguir treinar e se profissionalizar, dedicação, perseverança e muito amor ao que faz.O Projeto Life Star Talentos, em Nilópolis, tem essa proposta. De forma gratuita, descobrir talentos e realizar sonhos de atletas que querem se profissionalizar. Na Vila Olímpica Nilopolitana, os treinos e testes acontecem de segunda a sexta na parte da manhã.

A jovem lutadora de Jiu-Jitsu Ketleen Arraes com o campeão do UFC, José Aldo Foto: Divulgação

“Estamos aqui sempre realizando testes para descobrir novos talentos, lapidar e preparar esses meninos para o início de uma vida profissional”, diz Nelson Souza, mais conhecido como Nelsinho, o técnico do projeto, que conta com preparador físico e uma equipe para dar todo suporte para os meninos.

Na Vila Olímpica de Nilópolis os treinos e testes acontecem de segunda a sexta na parte da manhã - Divulgação
Na Vila Olímpica de Nilópolis os treinos e testes acontecem de segunda a sexta na parte da manhãDivulgação

Farid Abrão, prefeito de Nilópolis, tem morte cerebralAlém do futebol, as talentosas irmãs do jiu-jitsu, Keke e Ketleen Arraes, também são apostas da Life star. Com mais de 200 medalhas conquistadas em campeonatos do Jiu Jitsu, elas colecionam vários títulos. Kellen tem medalhas no Pan Kids,na Califórnia, Estados Unidos, duas vezes no Sul americano, oito vezes no Estadual FJJ-RIO, quatro vezes na Copa América, além de seis cinturões. A atleta está invicta há dois anos.
Com Keke não é diferente. Duas vezes campeã no Pan Kids, na Califórnia, Estados Unidos, três vezes no Sul americano, oito vezes no Estadual FJJ-RIO e quatro vezes na Copa América. Keke integra a equipe de Dede Pederneiras, um dos maiores e melhores treinadores de MMA do planeta. Os treinos acontecem no Upper Arena.
O projeto já conta com várias equipes de futebol, nas categorias que vão do sub-11 ao sub-17.
Continua após a publicidade

Além do futebol, o Jiu-Jitsu é uma das modalidades esportivas do projeto - Divulgação
Além do futebol, o Jiu-Jitsu é uma das modalidades esportivas do projetoDivulgação

“Nosso objetivo é descobrir talentos e transformar vidas. Seguimos firme nessa missão de ajudar jovens, muitos moradores de periferia e com pouca oportunidade de ter a possibilidade e realizar o sonho de ser um grande atleta”, diz Jacob David, CEO da Life Star.No projeto, tudo é gratuito. Treino, uniforme, preparo e todo suporte para os atletas poderem ter o preparo necessário para participar em igualdade de grandes competições e estarem preparados para avaliações e testes.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by