Jornalista Renato Muniz completa este mês um ano a frente da Cruz Vermelha filial Nova Iguaçu; Muitos projetos e realizações

Por: Arinos Monge

Nova Iguaçu: “De volta para casa”; Este é o sentimento do Jornalista Renato Muniz Guimarães, após um período longe da CVB-NI, aceitou o novo desafio em junho do ano passado, e, junto com o voluntariado, funcionários, e amigos, estartou mais uma caminhada em prol do assistencialismo aos mais necessitados e carentes da região metropolitana do rio. Muníz, que completa dia 19 deste mês, um ano como presidente da Cruz Vermelha Brasileira Filial Nova Iguaçu só tem a agradecer. Ele fala com emoção quando o assunto é o “SOCIAL”,FAZER O BEM, SEM PENSAR A QUEM. Esta é a CVB-NI, todos juntos num só propósito…”AJUDA HUMANITÁRIA”.


‘A entidade atua a 39 anos na Baixada Fluminense, trabalhando em ações humanitárias para salvar vidas e amenizar o sofrimento humano em condições precárias e de vulnerabilidade social, além de promover doações de cestas básicas, material de higiene pessoal, cobertores, atendimento com psicólogos, fisioterapia etc. Nas atividades já executadas pela CVBNI, milhares de famílias e população em situação de rua, aidéticos, dependentes químicos, pessoas com cancêr, tuberculose, presidiários, pessoas com Covid-19, além de higienizarão em hospitais, espaços públicos, presídios, delegacias, IML, cemitérios, escolas e logradouros públicos, lembrando que todas as ações são frutos das doações recebidas, tendo em vista a disponibilidade de poucos recursos. Novos parceiros estão chegando a CVBNI e os que já contribuíam, engajaram em nossos novos projetos sociais, falou Renato Muniz.

Renato Muniz, tem um carinho especial com a instituição,e tem procurado durante o período como presidente atender as demandas diárias que não são poucas. As equipes de coordenação e direção estão sempre afinadas ao tom de trabalho, é uma harmonia, todos num só pensamento;”Ajudar sempre, atrapalhar,nunca.”

Presidente Renato Muniz e o Secretário da CVB_NI Marcelo Muniz


O maior desafio do Jornalista Renato Muniz logo no inicio do seu mandato como presidente, foi a questão do leilão da sede histórica,o (Castelinho), prédio da sede social da CVN-NI, uma questão jurídica, além de custos herdados pela pandemia que acabou gerando um passivo para ser administrado. Entre tantas coisas a serem resolvidas, Renato Muniz não se intimidou com os problemas antigos, e partiu para a luta. Reuniu os funcionários e diretores, e unidos, deram um toque a mais na gestão de Muniz. Todos trabalham em equipe.

Secretária de Assistência Social Elaine Medeiros, Renato Muniz, Presidente da Câmara Municipal de Nova Iguaçu Dudu Reina.

O Projeto Adote Um Aluno, de Muniz, vem averbar a importância da sociedade metropolitana em dar oportunidade aos jovens que precisam de cursos técnicos, e que viabilizem sua colocação no mercado de trabalho, uma ajuda que todos podem contribuir, doando uma, ou quantas vagas quiserem doar, deduzindo do imposto de renda, empresas, empresários, sociedade civil, todos podem adotar um aluno.”Quando vemos as crianças nos sinais de trânsito vendendo balas, lavando os vidros dos carros, e, por ai vai, qual o sentimento de cada um de nos! Poderíamos ajudar!,sim, adotando um aluno, quantos jovens estariam nas salas de aula aprendendo uma profissão de futuro!”.

Este é apenas um dos projetos que Renato Muniz estartou no inicio do seu mandato como presidente da CVB-NI.

O projeto social de ajuda humanitária busca parceria com empresários que tenham espírito solidário e queiram ‘adotar um aluno’ ajudando a financiar bolsas de estudos para jovens e adultos carentes que procuram os cursos da Cruz Vermelha para se especializarem na área da saúde.

Open chat
Anuncie AQUI! >>>
Olá!
Gostaria de anunciar sua marca aqui?
Powered by