Jornal Povo

Mulher é atropelada e morta após briga de trânsito em Niterói

Isabel foi atropelada diversas vezes pelo motorista, que fugiu do local logo em seguida

Uma briga de trânsito terminou em morte, no último domingo (14), em Niterói. A vítima, Isabel Cristina de Mendonça, 49 anos, foi agredida e atropelada duas vezes ao abordar um motorista que estaria dormindo dentro de um veículo. O enterro ocorreu na terça-feira (16) no Cemitério São Lázaro, no bairro de Itaipu, em Niterói (RJ).

Isabel retornava de um passeio com o filho quando avistou um carro bloqueando a Rua São Sebastião, no bairro Engenho do Mato, Região Oceânica de Niterói. A mulher, então, decidiu encostar o veículo e abordar o condutor para entender a situação.

Segundo o filho de Isabel, o homem dormia dentro do carro e ficou irritado ao ser acordado. Ele puxou o cabelo da mulher e a agrediu verbalmente. Após um confronto corporal, a confusão foi apartada, e Isabel acompanhou o filho para conversar com outro motorista. Nesse momento, o suspeito anunciou que daria um tiro no filho de Isabel.

O homem se movimentou para sacar a arma, que estava armazenada debaixo do banco, mas o jovem entrou em combate com ele para impedir que ele alcançasse o armamento. Irritado, o suspeito engatou a marcha à ré e acelerou para atropelar Isabel, que estava atrás do carro.

Após atingi-la, ele passou com o carro duas vezes por cima da vítima e fugiu. Isabel foi levada ao Hospital Azevedo Lima com fraturas nos braços, nas costelas e um trauma na cabeça.

A mulher não resistiu aos ferimentos e morreu.