Jornal Povo

Prefeito Marcelo Crivella mantém medidas de isolamento social no Rio

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, decidiu manter as medidas de isolamento social adotadas até o momento para conter o avanço da Covid-19 na cidade. Segundo afirmou em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira, pela internet, as escolas e o comércio, que foram orientados a interromper as atividades na terça-feira, permanecem fechados pelo período de 15 dias. 

“É fundamental, é mais do que necessário, é incontornável e inadiável mantermos nossas medidas de afastamento social nos próximos 15 dias. Quanto mais nos afastarmos agora, mais rápido poderemos nos abraçar novamente. Peço aos comerciantes que se mantenham otimistas, pois, se mantivermos a determinação de preservarmos a nós e nossas famílias neste momento, estamos convencidos de que em 15 dias poderemos retomar nossas atividades”, disse Marcelo Crivella. O prefeito comentou o pronunciamento desta terça-feira do presidente Jair Bolsonaro, que condenou medidas como o fechamento de comércio e de escolas em municípios e estados do país. 

“Agradecemos a mensagem de otimismo do presidente na retomada da economia e manutenção de empregos. Mas, neste momento, é fundamental mantermos o isolamento social para que possamos voltar à normalidade em duas semanas”, disse Crivella. 

O prefeito informou que, após reunião do gabinete de crise nesta manhã, decidiu autorizar o funcionamento das lojas de conveniência dos postos de gasolina e de materiais de construção. Medidas que começam a valer à meia-noite desta quinta-feira. 

“É um pleito que decidimos atender, mas desde que não haja aglomerações nestes locais. Nas lojas de conveniência, está permitido entrar, comprar o necessário, e ir embora. Já as lojas de materiais de construção são também importantes neste momento. Temos muitas obras na cidade que não podem parar, inclusive de adaptação de hospitais”, disse Crivella.

 O prefeito avaliou que as medidas de restrição adotadas no município estão surtindo efeito para conter o avanço da Covid-19:”De acordo com o avanço da doença em outras regiões, observamos que poderíamos ter, no dia 28 deste mês, 2.200 casos confirmados no Rio. Porém, como as medidas de afastamento social estão surtindo efeito, calculamos chegar ao número de 300 pessoas infectadas nessa data”.

Hospital de referência pronto

Segundo a secretária municipal de Saúde, Beatriz Busch, que também participou da coletiva online, o hospital Ronaldo Gazolla, em Acari, já está com todos os leitos desocupados e prontos para atender pacientes infectados com a Covid-19.”Tão logo os leitos se esgotem, vamos ativar o hospital de campanha do Riocentro, que está sendo estruturado no pavilhão 3 do Riocentro”, disse a secretária. 

Attention Required! | Cloudflare

Sorry, you have been blocked

You are unable to access jornalpovo.com.br

Why have I been blocked?

This website is using a security service to protect itself from online attacks. The action you just performed triggered the security solution. There are several actions that could trigger this block including submitting a certain word or phrase, a SQL command or malformed data.

What can I do to resolve this?

You can email the site owner to let them know you were blocked. Please include what you were doing when this page came up and the Cloudflare Ray ID found at the bottom of this page.